UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

25/02/2010 - 07h46

BB lucra R$ 4,155 bi no 4º trimestre e soma mais de R$ 10 bi em 2009

SÃO PAULO - O quarto trimestre de 2009 significou para o Banco do Brasil (BB) um lucro líquido de R$ 4,155 bilhões, com alta de 41,1% em relação aos R$ 2,944 bilhões somados um ano antes. Em 2009 completo, a instituição obteve lucro líquido de R$ 10,148 bilhões, com crescimento de 15,3% perante os R$ 8,803 bilhões dos 12 meses antecedentes.

Sem efeitos extraordinários, o lucro registrado entre outubro e dezembro do ano passado correspondeu a R$ 1,819 bilhão, excedendo em 11,9% o R$ 1,626 bilhão do trimestre final de 2008. No calendário todo, o lucro subiu 27,2%, para R$ 8,506 bilhões, em comparação aos R$ 6,685 bilhões somados em 2008.

O BB explicou que o lucro recorrente de 2009 foi influenciado pelo montante de R$ 3,030 bilhões relativos à atualização dos ativos e passivos atuariais do Plano de Aposentadoria e Pensão dos Funcionários do Banco do Brasil (Previ).

O resultado bruto da intermediação financeira foi de R$ 6,129 bilhões no trimestre e de R$ 18,233 bilhões em 2009. Em mesmos períodos do exercício anterior, equivaleu a R$ 1,597 bilhão e R$ 12,819 bilhões, nesta ordem.

Ao fim de dezembro, a carteira de crédito total estava em R$ 300,829 bilhões, uma evolução de 33,8% em 12 meses. "O crédito às pessoas físicas expandiu 88,1% em 12 meses e atingiu R$ 91,8 bilhões. Esse montante representa mais de 30% da carteira de crédito total do banco, contra os 21,7% no ano passado. Entre as linhas de crédito ao consumo, o crédito consignado atingiu R$ 36,5 bilhões", destacou a instituição.

No segmento pessoas jurídicas, a carteira de crédito somava R$ 125,336 bilhões ao fim de 2009, uma expansão de 29% em 12 meses.

(Juliana Cardoso | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host