UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/03/2010 - 20h13

Governo prevê parceria de empresas públicas e privadas em banda larga

SÃO PAULO - O ministro das Comunicações, Hélio Costa, afirmou hoje, que o Plano Nacional de Banda Larga, cuja meta é universalizar o acesso à internet rápida no país, está na dependência de uma reunião com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva na qual serão discutidas soluções para alguns problemas levantados na última reunião.
"Acho que está tudo bem. A pretensão é a de fazer uma joint venture entre as empresas públicas e privadas para que possamos cobrir as áreas que lamentavelmente não têm ainda internet." A reunião com o presidente está prevista para a próxima semana,
A existência de pontos de atendimento para os jovens usarem a banda larga gratuita é um dos detalhes que serão discutidos mais adiante, informou Costa. De acordo com ele, a internet chegará aos pontos públicos, embora seja "praticamente impossível" pensar em internet gratuita para todos.
"Isso nenhum país conseguiu fazer até agora. Não tem estrutura que aguente uma carga dessa natureza. O que se pretende é fazer com que a internet esteja disponível nos principais pontos de acesso, atendendo nas escolas, entidades, associações comunitárias e universidades".
(Agência Brasil)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host