UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/03/2010 - 13h39

Grécia deve fazer mais para cortar déficit, diz comissário europeu

SÃO PAULO - A Grécia deve fazer mais para diminuir seu déficit orçamentário, declarou o comissário para Assuntos Econômicos e Monetários da União Europeia (UE), Olli Rehn.

"Estou pedindo ao governo grego que anuncie novas medidas nos próximos dias", sustentou o representante da UE após reunião com o ministro grego das Finanças, George Papaconstantinou.

Rehn comentou que as medidas em âmbito fiscal e estrutural já implementadas por Atenas foram reconhecidas, mas existem riscos e há necessidade de novas iniciativas.

"O esforço não é fácil, mas a redução do déficit e da dívida é necessária e vai contribuir significativamente para a melhoria da economia", defendeu.

O representante europeu completou que a Comissão Europeia seguirá apoiando as autoridades gregas e a população do país a fim de a economia voltar a um curso viável, "que é do melhor interesse de todos".

Papaconstantinou comentou, por sua vez, que o governo grego fará o que for preciso para enxugar o déficit e pode tomar medidas adicionais.

No fim de semana, surgiram notícias de que Atenas estava perto de conseguir um pacote de socorro de governos da União Europeia em troca da promessa de adotar novas ações.

(Juliana Cardoso | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host