UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/03/2010 - 13h25

Lucro do banco Pine cai 36% em 2009, para R$ 85 milhões

SÃO PAULO - O Banco Pine, especializado no atendimento a empresas, terminou o quarto trimestre de 2009 com lucro líquido de R$ 21,1 milhões, crescimento de 6,7% sobre os R$ 19,8 milhões embolsados em igual período do ano passado. Já em todo o ano de 2009, o ganho líquido caiu 36%, de R$ 132 milhões, para R$ 85 milhões.

A carteira de crédito somava R$ 4,75 bilhões no final de dezembro, montante 11,5% maior que o registrado um ano antes. O crédito a empresas, que perfaz 87% do total, subiu 34%, para R$ 4,11 bilhões. Já no segmento pessoa física, foi verificada uma retração de 54%, para R$ 496 milhões.

O banco destaca a qualidade da carteira, que tem 97,9% de sua composição classificada entre AA e C em dezembro de 2009. Já a cobertura da carteira de crédito D-H atingiu 94,1%.

A despesa de provisão para créditos de liquidação duvidosa (PDD) somou R$ 7,09 milhões entre outubro e dezembro do ano passado, mais de quatro vezes menor que os R$ 26 milhões reparados em igual período de 2008.

Por conta da melhora do cenário de crédito e da qualidade geral da carteira, o banco decidiu reverter R$ 14,3 milhões da provisão adicional de R$ 20,6 milhões efetuada no quarto trimestre de 2008.

O resultado operacional subiu 29% no quarto trimestre, para R$ 38,2 milhões, quando comparado com igual período de 2008. Mantida a base de comparação, o resultado da intermediação financeira cresceu 15%, para R$ 125 milhões.

O retorno anualizado sobre patrimônio líquido médio fechou o trimestre em 10,7%, acima do 9,9% observado no quarto trimestre. Mas em todo o ano, o retorno caiu de 16,3% em 2008 para 10,3% em 2009.

(Eduardo Campos | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host