UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

08/03/2010 - 10h01

Lucro da Eternit cai 10% em 2009, para R$ 73,2 milhões

SÃO PAULO - A Eternit, empresa que atua nos mercados de cobertura, painéis e placas cimentícias, registrou lucro líquido de R$ 73,2 milhões em 2009, queda de 10% ante 2008. Apenas no quarto trimestre do ano passado, a companhia ganhou R$ 17,24 milhões, valor 34% inferior ao apurado no mesmo período do calendário antecedente.

A receita líquida consolidada da empresa cresceu 7% de 2008 para 2009, ao passar de R$ 544,2 milhões para R$ 582 milhões, valor recorde. No mercado interno, a receita líquida aumentou 6,4% em relação a 2008, ao atingir R$ 451,8 milhões.
"O crescimento da receita líquida no mercado interno é decorrente do comportamento dos preços e do maior volume de vendas de amianto crisotila. A receita líquida proveniente de exportações, quase totalmente de amianto crisotila, somou R$ 130,2 milhões, um crescimento de 8,7% em relação a 2008. O bom desempenho de vendas no mercado externo foi reflexo da recuperação de preços e pela desvalorização do real frente ao dólar no primeiro semestre de 2009", ressaltou a empresa em balanço.

Nos três últimos meses de 2009, a receita da Eternit totalizou R$ 156,4 milhões, um crescimento de 2% em relação ao valor do quarto trimestre do exercício anterior. A receita subiu 12,1% apenas no mercado interno, somando produtos acabados e amianto crisotila, para R$ 127,9 milhões no quarto trimestre. Segundo a Eternit, o resultado reflete o aumento do volume vendido e a recuperação dos preços a partir de outubro de 2009.
"O desempenho no mercado interno foi neutralizado pelo desempenho do mercado externo, em que a receita líquida retraiu 26,8% no comparativo entre o quarto trimestre de 2009 e de 2008 e somou R$ 28,5 milhões. A desvalorização do real frente ao dólar e a redução do volume vendido foram os principais responsáveis pelo desempenho no mercado externo", apontou a companhia.

No ano passado, o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, a sigla em inglês) da companhia recuou 7% perante 2008, para R$ 123,46 milhões. Em igual intervalo de comparação, a margem Ebitda recuou de 25% para 21%.

De outubro a dezembro, o Ebitda da Eternit retraiu 28% ante os três últimos meses de 2008, somando R$ 30,1 milhões. A margem Ebitda declinou 8 pontos percentuais no período, de 27% para 19%.

(Beatriz Cutait | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host