UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

11/03/2010 - 09h32

Economia do Brasil avança 4,3% no 4º trimestre de 2009 perante 2008

SÃO PAULO - A economia brasileira apresentou crescimento de 4,3% no quarto trimestre de 2009, perante mesmo intervalo de 2008. O valor adicionado a preços básicos aumentou 3,9% e os impostos sobre produtos subiram 6,2%. Vale notar que, entre julho e setembro do ano passado, em comparação a período correspondente do calendário anterior, o Produto Interno Bruto (PIB) teve contração de 1,2%. Nos dois trimestres iniciais de 2009, a economia do Brasil também verificou retração.

Dentre as atividades econômicas, o IBGE mostrou que Serviços se expandiram 4,6% nos três meses até dezembro passado, ante o quarto trimestre de 2008, com destaque para intermediação financeira e seguros (8,5%) e comércio (8,1%). A indústria apareceu na sequência, com ampliação de 4%. Nesse segmento, sobressaiu o desempenho da indústria extrativa mineral, com avanço de 5,6%, atribuído ao aumento de 5,7% na produção de petróleo e gás.

No entanto, a agropecuária encolheu 4,6%. Essa leitura negativa, segundo o IBGE, pode ser explicada "pelo desempenho de alguns produtos que possuem safra relevante no período, caso do trigo e da laranja, que tiveram quedas de produção no ano, de 16% e 0,3%, respectivamente".

Dos componentes da demanda interna, no quarto trimestre de 2009, no confronto com um ano antes, as despesas de consumo das famílias subiram 7,7%, reflexo da expansão da massa salarial real e do crédito para as pessoas físicas e "pelo fato de a base de comparação ser o quarto trimestre de 2008". A despesa de consumo da administração pública registrou ampliação de 4,9% e a formação bruta de capital fixo, um indicativo de investimento, avançou 3,6%.

(Juliana Cardoso | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host