UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

18/03/2010 - 14h00

Siemens demitirá 4,2 mil funcionários da divisão de TI em todo o mundo

SÃO PAULO - A Siemens AG anunciou hoje que, até 2011, irá cortar 4,2 mil empregos na divisão de tecnologia da informação (TI) da companhia, em todo o mundo. No entanto, o país mais afetado será a Alemanha, onde fica a sede da empresa.

Quase metade dos cortes ocorrerá no país de origem da companhia, essencialmente nas cidades de Munich, Paderborn, Nuremberg e na região metropolitana de Erlangen, segundo comunicado oficial.

" No passado, frequentemente demonstramos que adotamos todas as medidas necessárias. Somente esta abordagem garante a competitividade e resguarda empregos no longo prazo " , disse o diretor de Recursos Humanos da Siemens, Siegfried Russwurm.
Ele também explicou que os cortes serão realizados de " forma responsável " . Entre os meios que serão utilizados estão o término de contratos de trabalho mediante consentimento tanto da empresa quanto do funcionário e a não renovação de contratos temporários.

A companhia também anunciou hoje que irá investir mais de 500 milhões de euros no negócio de TI até 2012. Os investimentos têm o objetivo principal de auxiliar a Siemens IT Solutions and Services (SIS) na ampliação da oferta de soluções de TI econômicas aos clientes.
Os esforços da Siemens no segmento de TI também fazem parte do plano de criar uma companhia separada legalmente, até o início do novo ano fiscal, em 1º de outubro.

(Karin Sato | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host