UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

19/03/2010 - 16h49

Grécia está perto de não conseguir tomar empréstimos, diz premiê

SÃO PAULO - A Grécia está a um passo de não conseguir tomar empréstimos, considerou o primeiro-ministro do país, George Papandreou. Ele alertou que Atenas "está em guerra" com os especuladores nos mercados internacionais.

"Estamos em um estado de guerra, em uma batalha contra determinados interesses, tanto em nível doméstico como externo. Esta é uma batalha contra os especuladores e pela transparência, para que os mercados estejam a serviço da população e não da forma inversa", sustentou Papandreou em evento.

O premiê argumentou que seu governo foi forçado a tomar as decisões mais difíceis já adotadas por qualquer governo. "Devemos evitar pagar altos juros por décadas, condenando o país a uma recessão profunda", sustentou.

"É injusto que os trabalhadores façam sacrifícios enquanto outros, sentados na frente de seus computadores, ganhem especulando", observou Papandreou.

Nos dias 25 e 26 de março ocorre uma reunião da União Europeia em Bruxelas. A crise da dívida da Grécia é um dos assuntos do encontro.

(Juliana Cardoso | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host