UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

24/03/2010 - 08h47

Bolsas da Europa sobem, mas cautela permanece no mercado

SÃO PAULO - Em dia de baixo volume de negócios, as bolsas europeias registram ganhos, embora os investidores continuem temerosos quanto à possibilidade de agravamento das crises das dívidas na região. A renúncia do primeiro-ministro de Portugal, José Sócrates, na tarde de ontem, após o Parlamento rejeitar o plano de austeridade fiscal do governo, elevou a probabilidade de o país se ver obrigado a pedir ajuda financeira à União Europeia, seguindo o exemplo de Grécia e Irlanda. Em Londres, os negócios eram impulsionados pelo varejo, com as ações da Tesco avançando 3%. As commodities também conferiam fôlego às operações, com os papéis da petrolífera BP subindo 2,16% e os da mineradora Anglo American, 1,95%. O índice FTSE-100 contabilizava valorização de 1,02%, aos 5.855,00 pontos.

Na bolsa de Frankfurt, o destaque ficava com as montadoras, que levavam o índice DAX a registrar 1,63% de ganho, aos 6.915,50 pontos. As ações da BMW saltavam 3,06%, acompanhadas dos papéis da Daimler (2,45%) e da Volkswagen (2,30%). As ações da Basf também apresentavam forte alta, de 2,78%.

Em Paris, o CAC-40 avançava 1,13%, para 3.957,80 pontos, com as ações da LVMH subindo 1,73%. Os papéis da Accor, por sua vez, lideravam o ranking das maiores valorizações nesta sessão, apresentando alta de 2,89%.

Na bolsa de Madri, o Ibex-35 tinha elevação de 0,71%, aos 10.713,50 pontos e, em Milão, o FTSE-MIB ganhava 0,86%, aos 21.886,00 pontos.

(Francine De Lorenzo | Valor, com agências internacionais)
Hospedagem: UOL Host