UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

31/03/2010 - 17h56

Presidente do BC mantém indefinição sobre seu futuro político

BRASÍLIA - O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, manteve o mistério sobre a sua permanência ou não à frente da autoridade monetária. "Amanhã, no máximo. Não tenha dúvida", disse ele a jornalistas que o indagavam sobre sua decisão.

Após participar de solenidade em comemoração aos 45 anos de existência do BC, Meirelles afirmou que "continua no processo decisório" e ainda não há nada definido sobre seu futuro. Ele acrescentou que tem consultado pessoas no governo para escolher se permanece na presidência do BC ou se deixa o cargo para disputar as eleições de outubro. Meirelles não comentou o que conversou com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva em reunião nesta tarde no Centro Cultural Banco do Brasil. Durante a cerimônia pelos 45 anos do BC, o diretor de Liquidação da instituição, Gustavo do Vale, fez uma lista das conquistas da autoridade monetária durante a gestão de Meirelles, como a estabilidade da moeda e o crescimento das reservas internacionais brasileiras. Ao agradecer o pronunciamento do diretor, o presidente do BC incluiu uma frase enigmática em sua fala. Segundo Meirelles, a lista de feitos organizada por Vale "pode servir para um ato de transmissão de cargo futura". (Azelma Rodrigues | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host