UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/04/2010 - 18h38

Meirelles fica no BC e diz que nunca teve "ambições políticas"

BRASÍLIA - "Nunca tive ambições políticas", disse Henrique Meirelles, ao anunciar que ficará no comando do Banco Central (BC). Ele admitiu que "não foi uma decisão fácil, foi difícil", ao resolver atender ao apelo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva para seguir consolidando a estabilidade econômica.

Meirelles disse que não cogita continuidade, caso a candidata do PT à sucessão de Lula, Dilma Rousseff, ganhe as eleições e lhe faça algum convite.

"Decidi ficar para colaborar para a perenização da estabilidade econômica", continuou. "Considerei, sim, a hipótese política, mas conclui por continuar à frente do BC. Vou comunicar agora ao PMDB", seguiu Meirelles. "Espero que ele aprove a minha decisão", afirmou, ao ser perguntado sobre se o presidente do PMDB, deputado Michel Temer, ficará feliz com sua decisão. Temer é cogitado como vice na chapa de Dilma.

"Eu resolvi ficar no Banco Central porque conclui ser onde eu poderia melhor contribuir para a continuidade dessa racionalidade econômica".

(Azelma Rodrigues | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host