UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/04/2010 - 09h14

Produção industrial tem alta de 1,5% no mês em fevereiro, nota IBGE

SÃO PAULO - A produção industrial brasileira avançou 1,5% em fevereiro, na série com ajuste sazonal. No início de 2010, o indicador subiu 1,2%. Com isso, "o patamar de produção industrial voltou a um nível próximo ao de maio de 2008", revelou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em levantamento divulgado há pouco.

No comparativo com o segundo mês do ano passado, houve elevação de 18,4%, marcando o terceiro resultado consecutivo de dois dígitos nesse tipo de confronto.

No primeiro bimestre de 2010, frente a igual período do calendário antecedente, a atividade fabril teve crescimento de 17,2%, com expansão de 24 das 27 atividades pesquisadas e destaque para veículos automotores (38,9%). Em 12 meses, a indústria registrou taxa negativa (-2,6%).

Considerando a passagem de janeiro para fevereiro, 15 ramos tiveram ampliação na produção, como indústria farmacêutica (15,9%), edição e impressão (7%) e máquinas para escritório e equipamentos de informática (15%). Esses três setores, aliás, inverteram a direção apurada no começo deste ano.

Por categoria de uso, ainda na base mensal, bens semiduráveis e não duráveis tiveram elevação de 2,4% e bens de capital apresentaram acréscimo de 1,7%. Bens de consumo duráveis cresceram 0,7%, mas bens intermediários tiveram baixa, de 0,5%.

No confronto com fevereiro de 2009, a maioria dos ramos avaliados (24 de 27) verificou produção maior. "O índice de difusão mostrou avanço em 72% dos 755 produtos investigados, o maior nível da série histórica, iniciada em janeiro de 2003, evidenciando um maior dinamismo no setor industrial e, ao mesmo tempo, refletindo uma base de comparação baixa", destacou o IBGE.

(Juliana Cardoso | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host