UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/04/2010 - 17h00

Rússia sofre nova explosão, após checheno assumir autoria de ataques

SÃO PAULO - Um veículo explodiu na Rússia, na província de Dagestan, deixando dois mortos e um ferido, segundo informação de oficiais do governo do país.

A explosão ocorreu depois da divulgação de um vídeo que agência de notícias Kavkaz Center afirma ter recebido, no qual um militante checheno assume a autoria dos ataques ao metrô de Moscou ocorridos na segunda-feira. No vídeo, disponível no site Kavkazcenter.com, o líder checheno, que utiliza o nome Dokka Abu Usman, diz que os ataques foram uma retaliação e uma retribuição pelo massacre promovido por russos de moradores pobres da Chechênia e da Ingushetia, que estavam colhendo alho no vilarejo Arshty, em 11 de fevereiro, para alimentar suas famílias.

Ele enfatiza que o assassinato desses civis foi deliberado, porque as forças especiais do Serviço Federal da Rússia (FSB) mataram os civis com facas e depois ridicularizaram as vítimas. Desta forma, segundo o militante, o ataque ao metrô em Moscou foi um ato legítimo de retaliação.

De acordo com a agência Kavkaz Center, Dokka Abu Usman critica, na gravação, aqueles que o acusam de terrorismo, incluindo políticos e jornalistas, porque ninguém acusou Putin pelo massacre de civis em Arshty, que teria ocorrido sob suas ordens. Ele também afirma que os ataques no território russo vão continuar.

(Karin Sato | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host