UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

05/04/2010 - 13h21

Apple vende 300 mil iPads na estreia nos EUA e prevê 7 milhões no ano

SÃO PAULO - A Apple vendeu mais de 300 mil iPads no primeiro dia de disponibilidade do aparelho nas lojas dos EUA, no sábado, conforme comunicado divulgado pela companhia nesta manhã.

O número fornecido pela empresa inclui as encomendas feitas pela internet. Mais de 1 milhão de aplicativos e cerca de 250 mil livros digitais para o aparelho foram baixados da internet na estreia. "Eu me sinto bem de ver o iPad lançado no mundo - isso será uma mudança de jogo ", afirmou Steve Jobs, o executivo chefe da Apple, em nota.

O equipamento, que se destaca pela função de leitor digital, tenta misturar atributos do laptop e do smartphone. Deste modo, além de baixar livros para leitura eletrônica, permite o acesso à internet via wi-fi e utiliza uma interface sensível ao toque. Uma das críticas ao iPad, no entanto, envolve a falta do acesso a sites de vídeos, como o YouTube. O aparelho, que foi lançado para competir com o Kindle, da Amazon, mede cerca de 25 centímetros, pesa menos de 700 gramas e custa a partir de US$ 499. As projeções da empresa para as vendas do iPad neste ano apontam para até 7 milhões de unidades. No próximo mês, está previsto também o lançamento da versão 3G do aparelho, que deverá custar cerca de US$ 800. Em 2008, a Apple vendeu 1 milhão de iPhones 3G no primeiro fim de semana de disponibilidade ao mercado. Em 2007, demorou 74 dias para que a companhia conseguisse vender 1 milhão dos iPhones originais. As vendas do iPad na estreia corresponderam às expectativas de alguns analistas e as ações da Apple registravam alta de 0,48% em Wall Street.

(Vanessa Dezem | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host