UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

08/04/2010 - 15h11

China e Costa Rica assinam acordo de livre comércio

SÃO PAULO - A China e a Costa Rica fecharam um acordo de livre comércio nesta quinta-feira, para o fim de barreiras comerciais. Este é o primeiro acordo firmado entre o país asiático e uma nação da América Central, e foi assinado pelo ministro do Comércio da China, Chen Deming, e pelo ministro do Comércio Exterior da Costa Rica, Marco Ruiz.

Os dois países esperam que seja implantado no início do segundo semestre deste ano, com uma queda gradual nas tarifas de produtos, segundo informações da agência de notícias Xinhua.
O documento ainda prevê a abertura para investimentos chineses de 45 setores de serviços na Costa Rica, incluindo o de telecomunicações e o imobiliário. Do outro lado, serão abertos para investimentos do país da América Central sete setores na China.

A redução nas taxas deve beneficiar o comércio de alguns produtos chineses, como têxteis e máquinas industriais. Já a Costa Rica deverá exportar mais café, carne e suco de frutas. Atualmente, cerca de 90% das exportações do país à China são chips de computador.

Marco Ruiz disse à Xinhua que se tratava de um pacto "ganha-ganha", que pode levar o comércio bilateral a crescer entre 15% a 20%, em uma base anual.
As negociações entre os dois países começaram ao final de 2008. A Costa Rica é hoje o nono maior parceiro comercial da China na América Latina, enquanto o país asiático é o segundo maior parceiro comercial da Costa Rica. O volume comercializado entre eles atingiu US$ 3,18 bilhões no ano passado, informou a Xinhua.

A China também mantém acordos de livre comércio com Chile, Paquistão, Nova Zelândia, Cingapura, Peru e Associação das Nações do Sudeste Asiático.
(Karin Sato | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host