UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

12/04/2010 - 12h22

Advogado de Arruda diz que STJ tem sido muito severo com o caso

BRASÍLIA - O advogado do ex-governador do Distrito Federal (DF) José Roberto Arruda, Nélio Machado, disse hoje que espera que o Superior Tribunal de Justiça (STJ) tenha sensibilidade para julgar o pedido de revogação da prisão de seu cliente. Uma sessão extraordinária está marcada para as 14 horas.

Segundo Machado, o STJ tem sido muito severo com o caso."Espero que o tribunal julgue bem e tenha sensibilidade porque está sendo muito severo", afirmou. O ex-governador está preso há dois meses na Superintendência da Polícia Federal (PF), em Brasília, acusado de tentar subornar uma das testemunhas da Operação Caixa de Pandora, da PF, que apura esquema de distribuição de propina no governo do DF.
A Polícia Federal enviou hoje ao STJ o relatório dos depoimentos de pessoas acusadas de envolvimento no esquema. Além disso, foi encaminhado ao tribunal o parecer do Ministério Público Federal sobre a revogação da prisão. O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, havia dito que poderia pedir a libertação de Arruda quando a PF concluísse a fase de investigação da Operação Caixa de Pandora.

(Agência Brasil)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host