UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

12/04/2010 - 20h56

Vendas do Pão de Açúcar crescem 47,1% no trimestre, para R$ 7,785 bi

SÃO PAULO - As vendas brutas do Grupo Pão de Açúcar cresceram 47,1% no primeiro trimestre em relação ao mesmo período de 2009, totalizando R$ 7,785 bilhões. As vendas líquidas somaram R$ 6,973 bilhões, um aumento de 50,2% no período. Excluindo-se as operações do Ponto Frio, as vendas brutas e líquidas cresceram 19,9% e 23,2%, respectivamente.

No conceito mesmas lojas - que incluem apenas as lojas com no mínimo 12 meses de operação e, portanto, excluem as operações do Ponto Frio -, as vendas brutas cresceram 15,0% em termos nominais e 9,6% em termos reais (deflacionadas pelo IPCA).

Segundo o Pão de Açúcar, o desempenho mesmas lojas teve impacto positivo de 1,8 ponto percentual por conta do efeito sazonal da Páscoa, que no ano passado foi comemorada na 2º semana de abril e, neste ano, na 1º semana de abril, fazendo com que os clientes iniciassem suas compras de Páscoa no final do mês de março.

Já as vendas líquidas mesmas lojas cresceram 18,1% no trimestre em termos nominais.

Ainda no conceito mesmas lojas, os produtos alimentícios apresentaram crescimento em vendas brutas de 13,5% no período, com destaque para as categorias Bebidas e Produtos de Mercearia. As vendas de não-alimentos cresceram 19,5%, com ênfase para as categorias de Bazar, Drogarias e Eletro-eletrônicos.

Entre as bandeiras do Pão de Açúcar, os destaques foram o Extra Hipermercados, Extra Supermercados, Extra Eletro e Assaí que apresentaram performance superiores a média do grupo.
A empresa destacou ainda que as vendas brutas do comércio eletrônico (composto pelo Extra.com.br, Pão de Açúcar Delivery, Pontofrio.com.br e Atacado) registraram crescimento de 65,3% no primeiro trimestre ante o mesmo período do ano passado."Também foi verificado um aumento no tíquete médio e tráfego de clientes em todas as lojas do Grupo neste período", diz a companhia em comunicado.

As vendas brutas de Globex, que incluem as operações de comércio eletrônico, apresentaram crescimento de 49,6% em relação ao primeiro trimestre de 2009, para R$ 1,442,5 bilhão. As vendas líquidas totalizaram R$ 1,257 bilhão, um aumento de 53,5%.
No conceito mesmas lojas, o crescimento foi de 47,9% em relação mesmo trimestre do ano passado.
"Essa performance superior às apresentadas no terceiro e quarto trimestres de 2009, de 6,8% e 23,0%, respectivamente, demonstram uma tendência positiva e acima do orçado pela companhia", afirma o Pão de Açúcar, que lembra ainda que o primeiro trimestre de 2009 foi o período mais afetado pela crise econômica mundial nas vendas de bens duráveis.

O grupo abriu 11 lojas no trimestre, sendo uma loja Extra Hipermercado e uma loja Assaí no conceito"power center"(formato que atende aos consumidores de atacado e varejo, com uma loja ao lado da outra) em Palmas (Tocantins); e nove lojas do Extra Fácil em São Paulo. Além disso, uma loja do CompreBem foi convertida para o formato Assaí em Pernambuco.

Em contrapartida, foram fechadas duas lojas, uma do Sendas e uma do Comprebem. Com isso, o grupo encerrou o trimestre com 1.089 unidades.

(Téo Takar | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host