UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

15/04/2010 - 17h12

Capacidade de tomada de empréstimos do Rio sobe para R$ 5,387 bilhões

RIO - O Estado do Rio de Janeiro ampliou para R$ 5,387 bilhões a sua capacidade de tomada de empréstimos. A decisão foi tomada hoje, depois da conclusão da sexta revisão do Programa de Reestruturação e Ajuste Fiscal (PAF), que determinava, até agora, o limite de R$ 1,6 bilhão.

"Parceria (com governo federal) mostrou todos os resultados. Situação é inédita em que a gente, no fim do governo, pode desenvolver estratégia abrangente de investimentos, porque temos volume que foi dividido em áreas-chave", frisou o secretário estadual de Fazenda, Joaquim Levy.

Segundo o governo do Estado, o aumento da capacidade de investimentos vai permitir que R$ 1 bilhão sejam aplicados no setor de habitação, inclusive com a alavancagem dos resultados mediante parcerias com programas federais e o setor privado. Outros R$ 900 milhões serão destinados para transportes sobre trilhos, com compra de novas composições.

O planejamento também prevê R$ 1,26 bilhão para saneamento, R$ 300 milhões para segurança, principalmente no uso de novas tecnologias aplicadas para essa função.
O programa também contempla R$ 400 milhões para a reforma do Maracanã para a Copa do Mundo de 2014, enquanto outros R$ 120 milhões irão para a continuidade da reforma administrativa do Estado.

(Rafael Rosas | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host