UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

15/04/2010 - 16h17

Proximidade do vencimento de opções infla volume da Bovespa

SÃO PAULO - O vencimento de opções que ocorrerá no mercado brasileiro na próxima segunda-feira (19) já está refletindo no volume de negociações da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), que ultrapassa R$ 7 bilhões.

A avaliação parte do gerente de renda variável da Modal Asset Management, Eduardo Roche, que assinala que há muitas operações envolvendo Petrobras e Vale, papéis com maior liquidez, associadas ao vencimento.

Por volta das 16h15, o Ibovespa recuava 0,53%, aos 70.657 pontos, com volume financeiro negociado de R$ 7,348 bilhões.

No mesmo período, os papéis PN da Petrobras, que cediam 1,51%, a R$ 33,73, giravam R$ 1,266 bilhão, enquanto as ações PNA da Vale, que tinham alta de 0,86%, a R$ 51,35, movimentavam R$ 1,896 bilhão.

"Os papéis da Petrobras operam em queda, em meio à incerteza do processo político, se a capitalização poderá ser realizada este ano, ainda repercutindo as declarações do presidente", comentou Roche.

Na segunda-feira, o presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli, afirmou que os prazos para a realização da capitalização da companhia com a cessão onerosa de 5 bilhões de barris de óleo e gás estão ficando mais apertados.

"O tempo está passando. Estamos no dia 12 de abril, é diferente de estar no dia 12 de março, 12 de fevereiro, 12 de janeiro", frisou o executivo naquele dia.

"(A fala de Gabrielli) só mostra que a incerteza ainda é real e o papel vai ficar volátil, o que pode estar sendo potencializado pelo vencimento de opções", afirmou Roche.

O Ibovespa, entretanto, não está sendo pressionado apenas pelos papéis da Petrobras, como também pelas ações do setor financeiro, e de siderurgia e mineração.
Entre os destaques de baixa estão as ações ON da Usiminas, com queda de 2,64%, a R$ 60,36, ON da Gerdau, com recuo de 2,45%, a R$ 23,02, e PN da Gerdau Metalúrgica, com depreciação de 2,30%, a R$ 37,66.

No segmento bancário, há instantes, os papéis PN do Bradesco cediam 1,23%, a R$ 32,69, as ações ON do Itaú Unibanco caíam 0,96%, a R$ 30,79, e as units do Santander perdiam 0,94%, a R$ 21.

O Ibovespa não só perdeu o patamar dos 71 mil pontos, como opera descolado do mercado externo. Em Wall Street, o índice Dow Jones subia, há pouco, 0,17%, enquanto o S & P 500 ganhava 0,13% e o Nasdaq tinha alta de 0,45%.

(Beatriz Cutait | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host