UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

27/04/2010 - 14h21

Rebaixamento da nota da Grécia e Portugal afeta negócio com petróleo

SÃO PAULO - Assim como nas praças acionárias internacionais, a ação da agência de classificação de risco S & P, que rebaixou a nota de crédito de Portugal e Grécia, afetava as operações nos mercados de petróleo.

Com a medida da S & P, a Grécia perdeu o grau de investimento, ao contrário de Portugal, que ainda conservou esse status.

A paridade do dólar em relação a outras moedas também tinha influência nos negócios. A moeda americana era negociada em alta ante o euro e a libra, por exemplo.

Há pouco, em Nova York, o WTI para junho cedia US$ 1,63, para US$ 82,58. O vencimento de julho recuava US$ 1,37, saindo a US$ 85,10.

Em Londres, o Brent para junho estava a US$ 85,90, baixa de US$ 0,93. O contrato de julho marcava US$ 86,75, retração de US$ 0,87.

(Juliana Cardoso | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host