UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

28/04/2010 - 14h34

Apoio à Grécia pode superar 100 bilhões de euros em 3 anos

SÃO PAULO - O diretor-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Dominique Strauss-Kahn, teria dito ao Parlamento alemão que o pacote de ajuda à Grécia pode ficar entre 100 bilhões de euros e 120 bilhões de euros em três anos. A informação foi repassada por legisladores alemães após encontro com representantes do Fundo.

Segundo esses políticos, o atual plano de resgate, da ordem de 40 bilhões de euros, seria suficiente apenas para o primeiro ano de socorro. O ministro das Finanças da Alemanha, Wolfgang Schaeuble, foi nesta mesma linha, dizendo que o resgate aos gregos se estenderia em um período de três anos.

Strauss-Kahn se recusou a confirmar os dados, notando que os detalhes da negociação só serão conhecidos depois que o programa de ajuda estiver concluído por funcionários do FMI, Banco Central Europeu (BCE) e Comissão Europeia.

O dirigente do Fundo e o presidente do BCE, Jean-Claude Trichet, concordam, porém, que é necessário tomar uma decisão rápida com relação à Grécia. No caso de não haver essa velocidade, a crise da dívida grega pode contaminar outras economias.

(Juliana Cardoso | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host