UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

28/04/2010 - 08h39

FMI estuda ampliar aporte em plano de ajuda à Grécia, dizem jornais

SÃO PAULO - O Fundo Monetário Internacional (FMI) estaria estudando a possibilidade de elevar sua participação no plano para socorrer a Grécia, traçado junto com líderes europeus. A informação foi publicada nos jornais "Financial Times" (FT) e "Wall Street Journal" (WSJ).
 

Pelo jornal britânico, o Fundo avalia ampliar seu aporte em 10 bilhões de euros. Pelo WSJ, estaria em análise um incremento de 5 bilhões de euros a 10 bilhões de euros.

O acordo acertado entre líderes europeus e com o FMI dá conta de um apoio de 30 bilhões de euros por parte dos países da zona do euro e de 10 bilhões de euros a 15 bilhões de euros pelo organismo multilateral.

Um representante grego ouvido pelo WSJ disse que existem discussões sobre o FMI ampliar sua contribuição no mecanismo de ajuda traçado, mas que ainda não há definição.

Hoje, a chanceler alemã Angela Merkel tem reunião com o diretor-gerente do Fundo, Dominique Strauss-Kahn, e com o titular do Banco Central Europeu (BCE), Jean-Claude Trichet.

O encontro se dá um dia depois de a agência de classificação de risco S & P rebaixar a nota soberana da Grécia, que perdeu o grau de investimento.

(Juliana Cardoso | Valor, com agências internacionais)

 

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host