UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

05/05/2010 - 10h57

Vale, BNDES, Funcef e Petros criam fundo de reflorestamento

SÃO PAULO - A Vale, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), os fundos de pensão dos funcionários da Caixa Econômica Federal (Funcef) e da Petrobras (Petros) vão formar um dos maiores fundos de reflorestamento do Brasil, que terá patrimônio de R$ 605 milhões.
Os parceiros comunicaram nesta quarta-feira que os recursos iniciais serão investidos na empresa Vale Florestar S.A., a ser constituída. A estruturação financeira será realizada pela Global Equity Administradora de Recursos, que ficará também responsável pela identificação e avaliação de novas oportunidades de investimento.

Criado em 2007 pela Vale, o projeto Vale Florestar visa promover o reflorestamento de áreas degradadas com espécies nativas e exóticas.

Os ativos do projeto serão transferidos para a Vale Florestar S.A., que será voltada para o desenvolvimento de negócios florestais no Brasil.
"A Vale realizará aporte no Fundo principalmente através de suas ações na Vale Florestar S.A., enquanto os demais parceiros proverão o capital para a expansão dos negócios. A meta é chegar à área total de 450 mil hectares em 2022 - dos quais 150 mil serão destinados ao plantio de florestas industriais e 300 mil para proteção e recuperação de florestas nativas", ressaltou a companhia, em comunicado.

(Beatriz Cutait | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host