UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

24/05/2010 - 10h50

Crise da dívida europeia preocupa e Wall Street opera no vermelho

SÃO PAULO - Os participantes nas bolsas dos Estados Unidos voltam a dar sinais de preocupação com a crise da dívida na Europa. Um fator que alimenta essa inquietação é a iniciativa do Banco de Espanha, que, no fim de semana, resolveu intervir no CajaSur.

Hoje, as agências da instituição abriram o expediente com um novo administrador, designado em caráter provisório, o Fondo de Reestructuración Ordenada Bancaria (FROB).

Assim como Espanha e Portugal, o Reino Unido resolveu anunciar planos para redução de gastos públicos. Existe a expectativa de que outros governos da União Europeia façam o mesmo.

Há pouco, o Dow Jones recuava 0,67%, somando 10.125,29 pontos. O S & P 500 estava em 1.082,06 pontos, com baixa de 0,52%. O Nasdaq declinava 0,09%, para 2.227,11 pontos.

(Juliana Cardoso | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host