UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

25/05/2010 - 14h47

Bovespa recua para 58.120 pontos; bancos estão entre as maiores quedas

SÃO PAULO - De olho nas notícias internacionais, que fornecem um viés negativo para os mercados, os investidores dão força às vendas na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa).

Em queda ao longo de todo pregão, próximo das 14h45, o Ibovespa cedia 3%, para 58.120 pontos. O giro financeiro estava em R$ 3,8 bilhões.

A baixa do mercado brasileiro acompanhava as bolsas americanas e também as europeias, que encerraram a jornada com desvalorização superior a 2%.

Nesta terça-feira, o foco dos agentes se divide entre a Ásia e a Europa. O aumento da tensão na península coreana levou a Coreia do Norte a romper relações com a Coreia do Sul, segundo a agência oficial KCNA, de Pyongyang.

O país informou que cortará todos os meios de comunicação com Seul e proibirá a passagem de navio sul-coreanos e o tráfego de aviões em seu território. Os trabalhadores sul-coreanos de uma fábrica conjunta ao norte da fronteira devem ser expulsos.

Já no ambiente europeu, o setor financeiro é a principal preocupação do dia. Quatro bancos espanhóis anunciaram a intenção de fusão, com o objetivo de reforçar a solvência e os ativos das instituições. A notícia segue o anúncio feito no fim de semana de resgate do CajaSur pelo banco central espanhol.

Como reflexo da tensão, os papéis de bancos estão entre os destaques negativos do dia no Brasil.

Há pouco, as units do Santander Brasil recuavam 6,65%, a R$ 18,67, enquanto os papéis PN do Bradesco cediam 5,01%, a R$ 28,39, e as ações PN do Itaú Unibanco tinham queda de 4,40%, a R$ 31,47.

Entre as maiores baixas do Ibovespa ainda figuram as ações ON da Fibria, com queda de 5,23%, a R$ 27,50, e Cyrela Realty ON, com recuo de 5,16%, a R$ 17,64.

Entre as blue chips, os papéis PNA da Vale caíam 2,31%, para R$ 38,88, com giro de R$ 509 milhões, enquanto as ações PN da Petrobras se depreciavam em 3,24%, a R$ 26,27, com volume de R$ 392 milhões.

Entre as poucas altas do Ibovespa, estavam as ações ON da Natura, com valorização de 1,17%, a R$ 37,13, e AmBev PN, com ganhos de 0,33%, a R$ 174,59.

No mercado cambial, o dólar continua a se valorizar em relação às principais moedas. Há pouco, a divisa americana subia 1,23%, a R$ 1,887 na venda.

(Beatriz Cutait | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host