UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

25/05/2010 - 08h26

Confiança do consumidor sobe, com satisfação com quadro atual, diz FGV

SÃO PAULO - A confiança do consumidor brasileiro subiu em maio, refletindo uma avaliação melhor das condições econômicas atuais. O índice da Fundação Getulio Vargas (FGV) passou de 115,4 pontos para 116,1 pontos entre o mês passado e o corrente, com ajuste sazonal.

Entre os dois componentes do indicador de confiança, o Índice da Situação Atual (ISA) aumentou 2,3% na passagem de abril para maio, de 125,5 pontos para 128,4 pontos. Foi o maior nível da série histórica pelo segundo mês consecutivo, conforme o organismo. O Índice de Expectativas (IE), contudo, registrou queda de 0,4%, para 109,6 pontos.

A FGV mostrou que a parcela dos consumidor que consideraram boa a situação econômica correspondeu a 22,2% e a proporção dos que a avaliaram como ruim equivaleu a 28%. Em abril, essas cifras eram 20,3% e 28,7%, na ordem.

Para os próximos meses, 27,4% dos entrevistados esperam melhoria do quadro econômico local e 12,2% preveem o contrário. No mês passado, 26,9% e 9,2% dos sondados tinham essas impressões, respectivamente.

"Em relação às finanças domésticas, a frequência relativa de projeções favoráveis elevou-se de 31,0% para 33,2%; a parcela dos que projetam piora diminuiu de 2,6% para 3%", observou a FGV.

(Juliana Cardoso | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host