UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

25/05/2010 - 12h19

Dilma destaca "boa administração" do governo Lula em sabatina da CNI

SÃO PAULO - A pré-candidata do PT à Presidência da República nas eleições de outubro, Dilma Rousseff, reafirmou hoje, durante sabatina promovida pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), que o Brasil se comportou de forma sólida em meio à crise financeira mundial. Segundo ela, isso foi possível graças à boa administração do governo do presidente Lula, com o controle da inflação, a robustez das contas públicas e o câmbio flutuante com acumulação de reservas.

Durante a exposição, Dilma fez questão de ressaltar as diferenças com o governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, sobretudo na "ação direta de uma política de inclusão baseada na distribuição de renda, na democratização, na ampliação do crédito e no acesso a serviços fundamentais".

"Trata-se de um novo modelo de desenvolvimento. Construímos no presente o que pode ser o futuro. Eu diria que alguns fatores são fundamentais e o primeiro é esse mercado interno robusto baseado na mobilidade social", declarou a petista ao salientar que 30 milhões de brasileiros pudessem ingressar na classe média. "Pela primeira vez, o Brasil permite que as pessoas subam na vida, nos últimos 20 anos", acrescentou.

Dilma avaliou que o país deve consolidar os avanços obtidos nos últimos anos. "Podemos ser um país desenvolvido e é isso que eu acho que está no centro da política industrial brasileira. Sem ela, não alcançaríamos a formalização do trabalho. Sou a favor de ter um ministério específico para a micro, pequena e média empresa brasileira. Assim, conseguiremos ser uma economia de porte e desenvolvimento", enfatizou.

(Fernando Taquari | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host