UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

27/05/2010 - 10h58

Desmentido da China estimula alta na Bovespa

SÃO PAULO - O movimento comprador segue firme na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). Por volta das 10h50, o Ibovespa apontava valorização de 2,13%, a 61.470 pontos, com giro de R$ 1,11 bilhão.

O impulso às compras veio de um desmentido da China. A agência responsável pelos investimentos do país negou que esteja revisando os aportes em ativos da Europa.

A notícia também estimula as compras em Wall Street, que tinha perdido força no final da quarta-feira em função dessa história. Há pouco, o Dow Jones ganhava 1,50%, enquanto o Nasdaq subia 2,17%.

Na agenda econômica, o Departamento de Comércio revisou para baixo o crescimento da economia americana no primeiro trimestre. O crescimento do PIB ficou em 3%, contra 3,2% da primeira leitura. Vale lembrar que o dado será revisado mais uma vez.

Também foi divulgado que menos americanos foram em busca de seguro-desemprego. As requisições caíram em 14 mil, para 460 mil.

De volta ao mercado local, mas agora no câmbio, o tom positivo do dia chama os vendedores ao pregão. Há pouco, o dólar comercial apontava baixa de 1,02%, a R$ 1,839 na venda.

No front corporativo, as ações PNA da Vale lideravam o volume dentro do Ibovespa, avançando 3,88%, a R$ 41,15. Já o papel PN da Petrobras ganhava 2,77%, a R$ 27,80.

Com o segundo maior volume, o papel ON da BM & FBovespa recuava 2,13%, a R$ 11,94, devolvendo parte do ganho de 11,11% registrado ontem, quando foi observada uma corrida de investidores estrangeiros em direção ao papel.

A maior alta entre os ativos listados era da Usiminas ON, que subia 5,32%, para R$ 42,71. Ainda no setor, Gerdau PN tinha acréscimo de 4,0%, saindo a R$ 23,92.

Fora da festa, Vivo PN, que também subiu forte ontem, devolvia 1,61%, a R$ 49,40. Telemar Norte Leste PNA desvalorizava 0,70%, a R$ 49,40.

(Eduardo Campos | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host