UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

27/05/2010 - 14h46

Indústria apresenta-se otimista para os próximos meses, nota CNI

SÃO PAULO - Os empresários consultados pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) pouco alteraram suas estimativas para as compras de matéria-prima. O indicador referente a esse quesito saiu de 62,7 em abril para 62,2 um mês depois.

No caso da demanda, o organismo registrou comportamento semelhante - o indicador saiu de 65,7 no mês passado para 64,4 agora.

O otimismo com relação às exportações ficou inalterado, com o indicador estacionado em 52 em maio.

Vale notar que os indicadores variam de zero a 100; leituras acima de 50 indicam evolução positiva.

Com relação ao desempenho de abril, a CNI indicou que a indústria "voltou a operar em nível usual para o mês". O índice de utilização da capacidade instalada (UCI) efetiva em relação à usual marcou 50 no quarto mês de 2010, depois de ficar em 54 em março.

O índice da produção industrial caiu para 51 em abril, seguindo os 62,9 de março, quando a sinalização era de forte alta na atividade fabril.

A CNI ouviu 1.214 empresas entre 30 de abril e 20 de maio.

(Juliana Cardoso | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host