UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

31/05/2010 - 16h22

Covatti seria boa escolha para vice, diz governadora do RS

SÃO PAULO - A governadora do Rio Grande do Sul , Yeda Crusius (PSDB), espera a decisão do Partido Progressista (PP) sobre a escolha do vice para sua candidatura à reeleição.

"Não discutimos sobre vice, a decisão é interna do PP." Questionada sobre a eventual escolha do deputado federal Vilson Covatti (PP), que tem se apresentado como seu futuro vice, Yeda avaliou que seria uma boa opção.

Yeda acrescentou que o PP tem nomes "potentes" e que o foco agora é atrair votos. Nas últimas eleições, Covatti chegou à Câmara com votação recorde. A decisão deve ser revelada no próximo dia 7. A aliança prevê que o PP indique, além do vice, um candidato ao Senado. O partido concorrerá com o PSDB às vagas na Câmara dos Deputados.

A governadora disse estar tranquila em relação ao processo sobre suposto desvio de dinheiro do Detran do Rio Grande do Sul, em que é citada. "Nada há, nunca houve, e isso está mais que provado hoje em dia", declarou.

A Procuradoria da República encaminhou ao Tribunal Regional Federal (TRF) da 4ª região um pedido de revisão da exclusão de Yeda da ação de improbidade administrativa. A ação foi proposta no ano passado pelo Ministério Público Federal (MPF). Em outubro, o TRF tirou Yeda do processo, pois concluiu que ela deveria ser julgada por crime de responsabilidade pela Assembleia Legislativa.

A governadora fez as declarações após participar do seminário "Rio Grande do Sul: Gestão Pública para Atrair Investimentos", promovido pelo Valor, hoje, em São Paulo. Ao explicar as estratégias do governo para reverter um déficit das contas públicas, deu um recado para tranquilizar os empresários sobre a sucessão eleitoral: "Mesmo se entrar uma pessoa mais desequilibrada financeiramente, fizemos reservas".

(Ana Luísa Westphalen | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host