UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

10/06/2010 - 09h55

Dólar marca novo dia de baixa e sai a R$ 1,831

SÃO PAULO - Notícias positivas vindas da China e dos Estados Unidos montam um quadro favorável para esse começo de quinta-feira. Menos avessos ao risco, os agentes vendem dólares e compram ações de commodities.

Por volta das 10 horas, o dólar comercial registrava queda de 0,91%, a R$ 1,829 na compra e R$ 1,831 na venda.

Já no mercado futuro, o dólar com vencimento em julho, negociado na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM & F), apontava desvalorização de 1,10%, a R$ 1,8395.

No câmbio externo, o euro ganha do dólar e volta a oscilar acima da linha de US$ 1,20. E entre as commodities, o barril de WTI aponta leve valorização tentando se firmar acima dos US$ 45 o barril. Olhando agora para China, o superávit comercial do país foi de US$ 19,53 bilhões no mês passado, indicando que, apesar da crise na Europa, a demanda mundial por produtos chineses continua aquecida.

As exportações do país cresceram 48,5% no comparativo anual, somando US$ 131,76 bilhões, enquanto as importações subiram 48,3%, totalizando US$ 112,23 bilhões.

Nos Estados Unidos, os pedidos por seguro-desemprego caíram em 3 mil, para 456 mil requisições na semana passada.

Na Europa, o Banco Central Europeu (BCE) e o Banco da Inglaterra (BoE) estiveram reunidos hoje. E como não poderia ser diferente a taxa básica foi mantida 1% na zona do euro e em 0,5% no Reino Unido.

(Eduardo Campos | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host