UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

10/06/2010 - 17h37

Investidor busca ativos de risco e petróleo avança

SÃO PAULO - Em sessão de recuperação dos mercados acionários, os preços internacionais do petróleo fecharam em alta nesta quinta-feira. As preocupações com a situação da Europa arrefeceram, dando impulso às commodities.

Com a menor aversão ao risco, a cotação do dólar frente as demais moedas recuou, o que gerou estímulos às negociações.

O clima mais ameno teve forte influência do Banco Central Europeu (BCE), que estimou crescimento de 0,7% a 1,3% na zona do euro em 2010. A projeção é melhor do que o previsto em março para o mesmo período, de expansão para o Produto Interno Bruto (PIB) de 0,4% a 1,2%. Na China, a boa notícia veio com os dados das exportações e importações, que subiram mais de 48% em maio, mostrando aos investidores que a economia do país não está sendo abalada pela crise na Europa. Os resultados do mercado de trabalho dos EUA também foram positivos. Os novos pedidos de seguro-desemprego caíram em 3 mil na semana encerrada no dia 5 deste mês, para 456 mil.

Em Nova York, o WTI de vencimento em julho ganhou US$ 1,10, para US$ 75,48, enquanto o contrato de agosto ganhou US$ 1,24, para US$ 76,68. Em Londres, o Brent de julho subiu US$ 1,02, para US$ 75,29, enquanto o de agosto ganhou US$ 1,11, para US$ 76,06.

(Vanessa Dezem | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host