UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

11/06/2010 - 16h30

Lucro do Santander será mantido e Brasil ultrapassa Espanha, diz Botín

SÃO PAULO - O presidente do banco espanhol Santander, Emílio Botín, afirmou nesta sexta-feira que conseguirá manter o lucro do banco no mesmo patamar registrado em 2009. Em um encontro com os acionistas na Espanha, o executivo ressaltou os bons resultados, a força das finanças do banco e as perspectivas positivas para seus negócios. Para ele, este cenário justifica a manutenção da política normal de distribuição de dividendos da instituição.

"Nós esperamos atingir resultados neste ano que são próximos aos obtidos em 2009 e vamos manter nossos dividendos aos acionistas a US$ 0,60", afirmou.

O executivo lembrou ainda que o banco apresentou resultados consistentes durante a crise,que influenciou negativamente as operações espanholas. "Os menores resultados na Espanha serão compensados pelo crescimento em outros mercados", projetou o executivo. Dentre as operações internacionais, Botín destacou o Brasil, que deve superar importância da Espanha em termos dos resultados totais do banco. Neste ano, o Santander Brasil representará 23% dos lucros globais da companhia, enquanto a Espanha deverá contribuir com 21%, segundo as estimativas apresentadas pelo presidente da instituição. No ano passado, em suas operações globais, o Santander registrou lucro de 8,94 bilhões de euros, uma elevação de 0,7% frente ao ano anterior. No Brasil, os resultados do banco realmente mostraram maior força, com crescimento de 40,8%, para R$ 5,508 bilhões. Somente no primeiro trimestre deste ano, o Santander Brasil registrou lucro líquido de R$ 1,763 bilhão, duas vezes maior do que o ganho apurado um ano antes, de R$ 832 milhões.

(Vanessa Dezem | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host