UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

15/06/2010 - 09h15

Banco do Japão deixa juro estável e oferece dinheiro a bancos

SÃO PAULO - O Banco do Japão apresentou nesta terça-feira o esquema de seu novo programa de empréstimos no valor de 3 trilhões de ienes, ou US$ 33 bilhões.

Visando a incentivar o crescimento da economia e combater a deflação, a autoridade monetária japonesa vai oferecer recursos a juros baixos a bancos privados para que essas instituições concedam crédito a empresas com objetivo de ampliar a produtividade e gerar a demanda do consumidor.

Ao avaliar como uma operação extraordinária para um banco central, o presidente do BC japonês, Masaaki Shirakawa, avisou que o programa temporário de empréstimos vai entrar em vigor no fim de agosto.

A notícia foi conhecida no mesmo dia em que o BC do Japão manteve a taxa de juro em 0,10%, nível em que se situa desde dezembro de 2008. A decisão tinha sido antecipada por vários participantes do mercado financeiro.

Em nota, a autoridade monetária japonesa avaliou que a economia do país mostra mais sinais de recuperação moderada ao mesmo tempo que enfrenta o importante desafio de impulsionar a taxa de crescimento econômico e a produtividade.

(Juliana Cardoso | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host