UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

15/06/2010 - 13h37

União Europeia pede mais cortes a Espanha e Portugal

SÃO PAULO - A Comissão Europeia pediu a Espanha e Portugal que façam novos cortes em seus gastos, a fim de evitar que suas dívidas se transformem em uma "bola de neve".

Em documento divulgado nesta terça-feira, a Comissão Europeia afirma que, apesar das medidas significativas já anunciadas pelos países para reduzir o déficit em suas contas, ainda são necessárias reduções adicionais, principalmente em 2011, para que seja possível alcançar as metas desejadas.

A Espanha terá de cortar seus gastos em mais 1,75% do Produto Interno Bruto (PIB) para reduzir seu deficit fiscal a 6% do PIB ao final do próximo ano. Neste ano, segundo o documento, serão necessários apenas "ajustes marginais" para se alcançar a meta de 9,3% do PIB. Em 2009, o país registrou deficit de 11,2% do PIB.

Já Portugal precisará cortar seus gastos em 0,3% do PIB neste ano e pelo menos 1,5% no ano que vem para atingir seus objetivos. O país espera reduzir seu deficit fiscal, que em 2009 foi de 9,4% do PIB, a 7,3% do PIB em 2010 e 4,6% do PIB em 2011.

(Francine De Lorenzo | Valor, com agências internacionais)

 

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host