UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

16/06/2010 - 08h30

França quer elevar idade para aposentadoria de 60 para 62 anos

SÃO PAULO - A França quer elevar gradualmente a idade para aposentadoria dos trabalhadores de 60 para 62 até 2018, anunciou hoje o ministro do Trabalho, Eric Woerth. A reforma do sistema de pensão, que afeta os franceses nascidos em 1953 e 1954, faz parte do pacote de medidas que o país vem adotando para o controle das finanças públicas e redução do déficit fiscal.

"Se queremos resolver o déficit do sistema previdenciário, trabalhar mais é inevitável", disse o ministro. Para ele, a medida é uma "obrigação moral", tendo em vista que o envelhecimento da população já ameaça a viabilidade do sistema de pensão. A expectativa é de que a reforma seja analisada pelo Parlamento em setembro. Com a mudança, o governo pretende economizar cerca de 19 bilhões de euros a partir de 2018.

A atualização do sistema de pensão já enfrenta críticas por parte de parlamentares da oposição e sindicatos de trabalhadores. Ontem, centenas de pessoas protestaram em Paris contra os planos no Ministério do Trabalho.

A mudança da idade para aposentadoria vem em linha com reformas implementadas por outros países europeus. Recentemente, a Alemanha anunciou um plano semelhante, para elevar gradualmente a idade ativa de 65 para 67 anos até 2029.

No ano passado, o déficit fiscal francês foi de 7,5% do Produto Interno Bruto (PIB). O governo se comprometeu a cortá-lo para menos de 3% até 2013, limite estabelecido pela União Europeia.

(Ana Luísa Westphalen | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host