UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/07/2010 - 17h56

BC aprova aumento de capital do Bradesco

SÃO PAULO - O Bradesco anunciou hoje que o Banco Central (BC) aprovou o aumento do capital social da companhia no valor de R$ 2 bilhões, para R$ 28,5 bilhões. Em comunicado ao mercado, a instituição financeira informou que haverá bonificação de 10%, ou seja, os acionistas receberão um papel novo a cada dez de que forem titulares. Serão beneficiados os sócios que tiverem ações do Bradesco em 13 de julho e os papéis referentes à bonificação estarão disponíveis a partir do dia 19.

As ações do Bradesco negociadas no exterior - American Depositary Receipts (ADRs) e Global Depositary Receipts (GDRs) - também serão beneficiadas, com bonificação na mesma proporção.

Segundo o comunicado, os dividendos mensais serão mantidos em R$ 0,013219250 por ação ordinária e R$ 0,014541175 por ação preferencial. Dessa forma, os valores pagos mensalmente aos acionistas serão incrementados em 10% a partir do dividendo referente a agosto, que será pago em 1º de setembro. O custo unitário atribuído às ações bonificadas é de R$ 5,847253119.

Para os acionistas que desejarem transferir frações de ações oriundas da bonificação, o Bradesco estabeleceu o período de 19 de julho a 19 de agosto. Após essa data, eventuais frações remanescentes serão separadas, agrupadas em números inteiros e vendidas em leilão na BM & FBovespa marcado para 30 de agosto.

A solicitação para aumento de capital foi feita pelo Bradesco em 10 de junho. Nesta data, durante assembleia de acionistas, foi aprovada a emissão de 342.040.948 novas ações a título de bonificação.

(Ana Luísa Westphalen | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host