UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/07/2010 - 09h11

Produção industrial verifica estabilidade em maio, mostra IBGE

SÃO PAULO - A produção industrial brasileira registrou estabilidade entre abril e maio e teve elevação de 14,8% na comparação com o quinto mês de 2009, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A atividade fabril acumulou alta de 17,3% no ano, por ora, sendo que 25 setores tiveram incremento. Em 12 meses, o avanço de 4,5% foi o mais expressivo desde novembro de 2008, quando houve elevação de 4,8% na produção das indústrias.

No comparativo mensal, 16 segmentos verificaram ampliação da produção, como bebidas (+4,8%), material eletrônico e equipamentos de comunicações (+6,1%) e veículos automotores (+1,4%), e 11 apresentaram baixa, como refino de petróleo e produção de álcool (-4,6%) e alimentos (-1,7%).

Por categorias de uso, a produção de bens de capital avançou 1,2% em maio. Bens intermediários aumentaram apenas 0,1%, assim como bens de consumo duráveis. Com queda, apareceram bens de consumo semi e não duráveis (-0,9%).

Levando em consideração o comparativo com maio do ano passado, destacou o IBGE, o crescimento de 14,8% contribuiu para esticar a série de taxas positivas nesta comparação (sétimo mês seguido). "Além de uma base de comparação retraída, efeito da crise internacional de fins de 2008, maio de 2010 teve um dia útil a mais que o mesmo mês do ano passado (respectivamente, 21 e 20 dias)", observou o organismo.

(Juliana Cardoso | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host