UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/07/2010 - 12h10

Rosinha e vice encaminham ação ao TSE para suspender cassação

SÃO PAULO - A prefeita de Campos de Goytacazes (RJ), Rosinha Garotinho, e o seu vice, Francisco Arthur de Oliveira, ajuizaram no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) uma ação cautelar em que pedem a suspensão da decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) que cassou os mandatos. Ambos são acusados de abuso de poder econômico nas eleições municipais de 2008, quando foram eleitos para governar a cidade fluminense. Na ação, Rosinha e Francisco afirmam que foram vítimas de Arnaldo Vianna, um adversário político, que os acusou de terem sido beneficiados por um grupo de comunicação da região. O TRE-RJ, no entanto, sustentou que Rosinha foi favorecida durante entrevistas aos veículos de comunicação. Dessas publicações, o tribunal destaca a entrevista que ela concedeu a um programa conduzido por seu marido, Anthony Garotinho, como pré-candidata no dia 14 de junho de 2008.

Assim como Rosinha e Francisco, o TRE-RJ também puniu Garotinho e tornou os três inelegíveis por três anos. Por isso, a prefeita e o vice pedem que seja concedida liminar para suspender a eficácia da decisão do TRE até que o recurso especial eleitoral venha a ser julgado pelo TSE.

(Fernando Taquari | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host