UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

08/07/2010 - 14h21

Ibovespa reduz queda e ensaia recuperação no pregão

SÃO PAULO - A redução das perdas das chamadas "blue chips" está levando o Ibovespa a buscar um retorno para o campo positivo no pregão desta quinta-feira.

Próximo das 14h20, o Ibovespa operava estável, aos 63.281 pontos. O giro financeiro está em R$ 3,101 bilhões.

Já nos Estados Unidos, a valorização das bolsas se mantém nesta tarde. Instantes atrás, o índice Dow Jones avançava 0,67%, enquanto o Nasdaq tinha aumento de 0,19% e o S & P 500 se apreciava em 0,45%.

De volta ao mercado local, entre as ações de maior peso sobre o Ibovespa, há pouco, os papéis PN da Petrobras estavam estáveis, cotados a R$ 27,40, enquanto Vale PNA cedia apenas 0,02%, a R$ 38,94.

As maiores altas do Ibovespa partiam de Vivo PN (2,91%, a R$ 48,06), Bradesco PN (1,87%, a R$ 32,11) e Itaú Unibanco (1,87%, a R$ 36,97).

A Corte Europeia de Justiça considerou ilegal o direito de veto do governo português nas decisões da Portugal Telecom (PT). A decisão contra a "golden share" foi tomada hoje, sem surpresas, condenando na prática o bloqueio do Estado português à aprovação pelos acionistas da PT da venda da Vivo para a Telefónica por 7,15 bilhões de euros. A Telefónica tinha anunciado que manteria sua última oferta até o dia 16.

Já as principais baixas do índice partiam de OGX Petróleo (-3,28%, a R$ 17,66), Duratex ON (-2,91%, a R$ 16,98) e Lojas Americanas PN (-2,75%, a R$ 12,69).

(Beatriz Cutait | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host