UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

20/07/2010 - 18h59

Mercedes apreendido em investigação de Tânia Bulhões vai a leilão

SÃO PAULO - O juiz federal Fausto Martin De Sanctis, da 6ª Vara Federal Criminal de São Paulo, determinou o leilão de um automóvel Mercedes-Benz S-500 apreendido na operação realizada em julho de 2009 pela Polícia Federal em sete endereços ligados ao grupo de artigos de luxo Tânia Bulhões.

O veículo, comprado em abril de 2007 por R$ 600 mil, foi avaliado em R$ 340 mil e será colocado em leilão eletrônico na próxima terça-feira. De cor preta, o carro foi blindado e também conta com câmbio automático, GPS e dois aparelhos de DVDs. A decisão se deve à falta de espaço adequado para a preservação do carro tanto na superintendência da Polícia Federal como no depósito da Justiça Federal, além do risco de maior depreciação do veículo.

No fim do mês passado, a Justiça Federal recebeu a denúncia de fraude a importações e evasão de divisas contra 14 pessoas ligadas ao grupo Tânia Bulhões, dando início ao processo judicial no âmbito da Operação Porto Europa, nome dado à ação da Polícia Federal em julho de 2009.

A empresária Tânia Bulhões Grendene Bartelle, dona das lojas, é acusada pelos crimes de quadrilha organizada transnacional, falsidade ideológica, fraude cambial e evasão de divisas. O grupo confiou sua defesa ao escritório de advocacia de Marcio Thomaz Bastos, ex-ministro da Justiça.

(Eduardo Laguna | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host