UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

04/08/2010 - 18h26

TRE nega registro de Rorz com base em Ficha Limpa

BRASÍLIA - Com base na chamada Lei de Ficha Limpa, o Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE-DF) negou hoje o registro da candidatura de Joaquim Roriz (PSC) a governador do Distrito Federal. Quatro dos sete desembargadores votaram contra o registro, dois votaram a favor e o presidente se absteve, por não ter ocorrido empate. Segundo a assessoria de imprensa do TRE-DF, Roriz, que hoje completa 74 anos, poderá recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A Lei de Ficha Limpa veta a candidatura de políticos que sofreram condenação judicial por decisão colegiada ou que renunciaram a mandatos para evitar cassação. Foi o caso de Roriz, que já governou o DF por três vezes e renunciou ao mandato de senador em 2007 para não responder a acusações de malversação de dinheiro público em processo de quebra de decoro parlamentar, que poderia resultar em processo de cassação.

Roriz tenta voltar ao Palácio do Buriti em Brasília, com o apoio de políticos, como o ex-governador José Roberto Arruda, cassado pelo TER-DF por desfiliação partidária, após o escândalo em que foi acusado de corrupção. A defesa de Roriz promete recorrer ao TSE, o que pode garantir o seguimento da candidatura até o julgamento. O pedido de impugnação do registro de Roriz foi feito pelo PSOL.

(Azelma Rodrigues | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host