UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

10/08/2010 - 13h25

Fundos de investimento têm resgate líquido de R$ 1,314 bilhão em julho

SÃO PAULO - A indústria de fundos de investimentos registrou resgate líquido de R$ 1,314 bilhão no mês de julho, resultado de aplicações R$ 151,1 bilhões e resgates R$ 152,4 bilhões. Esse volume representa uma evolução de 1,5% em relação a junho, segundo a Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima).

No sétimo mês do ano, quando o Ibovespa registrou alta de 10,8%, os fundos de ações foram destaque. Considerando o retorno acumulado em 12 meses, a categoria de Smal Caps continua registrando a maior rentabilidade, com valorização de 46,4%, quase o dobro do índice Bovespa no período (23,9%).

De acordo com o vice-presidente da Anbima, Demósthenes Pinho Neto, a tendência é de aumento na captação dos fundos até o fim do ano. Isso porque, segundo ele, a indústria de fundos de investimentos deve se beneficiar de fatores sazonais, nos próximos meses, como novos lotes de restituição do imposto de renda, reajuste salarial por conta dos dissídios coletivos e o décimo terceiro, benefício que costuma ser pago antecipadamente.
"Não vejo nada que possa significar uma ruptura dessa tendência positiva", avaliou Neto. O diretor da Anbima, Pedro Bastos, espera uma elevação mais expressiva nos fundos de renda variável. "Estamos saindo de quatro meses de Ibovespa negativo. Isso tem um impacto psicológico que encoraja o investidor", afirmou.
A projeção da Anbima é que a indústria de fundos de investimentos, que encerrou julho com patrimônio líquido doméstico em R$ 1,475 trilhão, alcance R$ 1,5 trilhão ainda em 2010.
(Ana Luísa Westphalen | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host