UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

16/08/2010 - 14h11

BB quer estar entre os três maiores em crédito imobiliário até 2013

SÃO PAULO - O Banco do Brasil quer estar entre os três maiores bancos em financiamento imobiliário até 2013. A instituição, que hoje ocupa o quinto lugar neste mercado do país, colocou o setor imobiliário como um dos focos do seu crescimento e vai buscar o posicionamento principalmente via qualidade dos produtos e prazos de entrega.

"Não tenho como aspiração ser um concorrente da Caixa, mas vamos aproveitar esse negócio usando nosso relacionamento com as empresas do setor", afirmou o vice-presidente de Cartões do Banco do Brasil, Paulo Rogério Caffarelli, presente em evento em São Paulo para divulgação dos resultados do banco.

A ideia do BB, segundo o executivo, é disputar neste mercado com os bancos privados. Um dos diferenciais da instituição é o montante disponível para o crédito imobiliário, que já soma R$ 7 bilhões. "Somos um entrante deste mercado já em posição privilegiada", afirmou Caffarelli.

No segundo trimestre, a carteira de crédito imobiliário do Banco do Brasil somou R$ 2,1 bilhões, frente ao total de R$ 1,9 bilhão registrados nos três primeiros meses do ano. No segundo trimestre do ano passado, por sua vez, a carteira somava R$ 1,1 bilhão. A meta do banco é atingir R$ 3 bilhões até o final deste ano.
Em seu balanço divulgado hoje, o BB anunciou que encerrou o período de abril a junho com uma carteira da crédito total de R$ 326,5 bilhões, o que representa um crescimento de 29,3% em 12 meses e resulta em um market share de 20,1% detido pela instituição. Para pessoa física, o crédito somou R$ 101,1 bilhões, alta de 47,7%, enquanto para pessoa jurídica, a carteira totalizou R$ 135,6 bilhões, avanço anual de 31,2%.

(Vanessa Dezem | Valor)
Hospedagem: UOL Host