UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

16/08/2010 - 07h48

Economia japonesa derruba bolsas na Ásia

SÃO PAULO - A maior parte das bolsas asiáticas iniciou a semana em queda após a divulgação dos resultados da economia japonesa no segundo trimestre, que acrescentaram mais evidências de fragilidade na recuperação econômica global.

O crescimento de apenas 0,4% no Produto Interno Bruto (PIB) do Japão colocou o índice Nikkei 225, da bolsa de Tóquio no vermelho. O indicador encerrou o pregão desta segunda-feira desvalorizado em 0,61%, aos 9.196,67 pontos.

Seguindo o mercado acionário japonês, a bolsa de Seul recuou 0,17%, com o índice Kospi aos 1.743,31 pontos, enquanto em Sydney, o S & P/ASX 200 voltou 0,47%, para os 4.438,50 pontos.

O governo japonês informou que a economia do país desacelerou fortemente entre abril e junho, crescendo 0,4% em relação ao mesmo período de 2009 e 0,1% na comparação com os três meses anteriores. O PIB do Japão somou US$ 1,29 trilhão no segundo trimestre, ficando atrás do PIB chinês, que chegou a US$ 1,33 trilhão.

Embora no semestre o Japão mantenha o posto de segunda maior economia do mundo (PIB de US$ 2,59 trilhões frente a US$ 2,54 trilhões da China), a expectativa de que a China ultrapasse o Japão no ranking das maiores potências mundiais impulsionou o mercado chinês.

Em Xangai, o Shanghai Composite subiu 2,11%, para 2.661,71 pontos, enquanto em Hong Kong, o índice Hang Seng teve alta de 0,19%, aos 21.112,12 pontos. O Taiwan Taiex, da bolsa de Taipé, acompanhou a bolsa chinesa e avançou 0,63%, apara 7.941,22 pontos.

(Francine De Lorenzo | Valor, com agências internacionais)
Hospedagem: UOL Host