UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

16/08/2010 - 11h24

Parnaíba tem volume potencial de 15 tri de pés cúbicos de gás, diz OGX

SÃO PAULO - A OGX Petróleo informou hoje que, com base em análises técnicas, estima um volume de recursos potenciais de aproximadamente 15 trilhões de pés cúbicos (TCF) de gás natural na área dos sete blocos detidos pela empresa na bacia terrestre do Parnaíba.

Em nota divulgada hoje ao mercado, a companhia ressaltou que a estimativa refere-se aos recursos potenciais, apurados a partir do mapeamento sísmico de cerca de 20 prospectos similares ao perfurado pelo poço OGX-16.

Na última quinta-feira, a OGX anunciou a descoberta de gás no poço OGX-16, localizado na bacia do Parnaíba, situada na região Nordeste. A OGX Maranhão, sociedade formada entre OGX (66,6%) e a MPX (33,3%), é a operadora do poço e detém 70% de participação no bloco. Os outros 30% estão nas mãos da Petra Energia.

"Adicionalmente, considerando os estudos e análises mencionados, a OGX estima que tais volumes potenciais podem corresponder a uma capacidade produtiva de aproximadamente 15 milhoes de metros cúbicos diários de gás natural", apontou a companhia.

Os números divulgados pela empresa nesta segunda-feira confirmam a estimativa divulgada pelo empresário Eike Batista, presidente da OGX, de que o potencial de reservas na área onde detém blocos na bacia do Parnaíba poderia ficar entre 10 e 15 trilhões de pés cúbicos (TCF).

A descoberta no Maranhão levou a OGX a revisar a campanha exploratória da região e a elevar a projeção do número de poços a serem perfurados de sete para 15. A empresa estima um investimento entre R$ 600 milhões e R$ 700 milhões para o projeto.
(Beatriz Cutait | Valor)
Hospedagem: UOL Host