UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

16/08/2010 - 09h36

Resgate pesado de NTN-B amplia intervenção do BC

SÃO PAULO - O resgate de R$ 33,4 bilhões de títulos federais indexados à variação do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), as NTNs-B, elevou o ritmo de intervenção do Banco Central no mercado aberto, nesta manhã, para enxugar excesso de moeda.

Quando a disponibilidade de dinheiro em circulação cresce além do estoque de títulos públicos a ser financiado pelos bancos no curto prazo, o BC intervém, tirando dinheiro da praça, para manter o juro de curtíssimo prazo o mais perto possível da meta da taxa Selic, atualmente em 10,75% ao ano.

Nesta manhã, o resgate de NTN-B pelo Tesouro ampliou consideravelmente a oferta de dinheiro em mercado, levando o BC a recolher o total de R$ 78,933 bilhões em três operações compromissadas.

Na operação mais longa, o BC tomou R$ 7 bilhões do mercado, por 182 dias, assumindo compromisso de recomprar em 14 de fevereiro de 2011 os títulos dados em garantia. Ao final deste prazo, o BC pagará aos bancos repassadores de moeda, 10,90% ao ano.

Na segunda atuação, o BC enxugou R$ 4,69 bilhões por 17 dias, comprometendo-se a recomprar os títulos em 2 de setembro, a 19,72% ao ano.

Na última intervenção, com prazo de um dia, o BC recolheu R$ 67,243 bilhões, garantindo remuneração de 10,68% ao ano às instituições financeiras.

(Angela Bittencourt | Valor)
Hospedagem: UOL Host