UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

17/08/2010 - 09h49

Indicadores americanos devem pautar negócios da Bovespa

SÃO PAULO - Uma agenda carregada de indicadores econômicos nos Estados Unidos deve nortear as bolsas no pregão desta terça-feira. A valorização do mercado europeu e a sinalização positiva para a abertura dos negócios americanos é acompanhada de perto pelo ambiente local.

Minutos atrás, o Ibovespa futuro subia 0,59% e marcava 67.270 pontos.

Ontem, o Ibovespa avançou pelo terceiro pregão, ao se apreciar em 0,66%, para 66.701 pontos, com giro negociado de R$ 8,8 bilhões.

Nesta jornada, os investidores analisam dados vindos do cenário externo.

Nos Estados Unidos, o Departamento do Comércio revelou que a atividade de construção de casas cresceu 1,7% em julho, para uma taxa anualizada sazonalmente ajustada de 546 mil. A leitura de junho foi revisada para baixo, para 537 mil unidades.
O dado ficou abaixo das expectativas dos analistas de Wall Street, que apostavam em um número anualizado entre 550 mil e 560 mil unidades.

Já o número de alvarás de construção recuou 3,1% entre junho e julho, com a taxa anualizada sazonalmente ajustada passando de 583 mil (após revisão) para 565 mil no período.

Além disso, o Departamento mostrou que o Índice de Preços ao Produtor nos Estados Unidos (PPI, na sigla em inglês) avançou 0,2% em julho, depois do recuo de 0,5% visto em junho. Em comparação a julho de 2009, o índice de inflação no atacado acumulou alta de 4,2%.

O núcleo do indicador, por sua vez, que desconta a variação dos preços de alimentos e energia, teve alta de 0,3% em julho, depois de crescer 0,1% no mês anterior.

O consenso de mercado era de que o índice cheio subiria 0,2% e o núcleo tivesse ligeiro avanço de 0,1%.

Além disso, os agentes ainda aguardam o indicador da produção industrial de julho.

Na Europa, logo cedo, pesquisa do instituto ZEW mostrou que preocupações sobre uma eventual desaceleração econômica global levaram a confiança do investidor na Alemanha à sua quarta queda em agosto. O indicador recuou de 21,2 pontos, em julho, para 14 pontos, este mês, abaixo da média histórica de 27,3 pontos.

Na Ásia, o mercado fechou os negócios sem uma direção definida, diante dos temores quanto à recuperação da economia global.

Na bolsa de Tóquio, o índice Nikkei 225 recuou 0,38% e, em Taipé, o Taiwan Taiex caiu 0,13%. Já em Xangai, o Shanghai Composite subiu 0,38%; em Hong Kong, o Hang Seng teve alta de 0,12%; e, em Seul, o índice Kospi se valorizou em 0,67%.

De volta ao cenário local, em seu primeiro balanço consolidado com a Agre, a PDG Realty revelou que obteve lucro líquido de R$ 221 milhões no segundo trimestre, um aumento de 179% sobre os números pró-forma das duas companhias no mesmo período de 2009.

Já a receita líquida da nova companhia foi de R$ 1,32 bilhão, 49% acima do segundo trimestre do ano passado.

A Marfrig, por sua vez, reportou lucro de R$ 127,4 milhões no segundo trimestre, 68,5% abaixo do ganho apurado em igual período do ano passado (R$ 405 milhões). O desempenho do segundo trimestre de 2009, entretanto, foi influenciado por ganhos de R$ 502,6 milhões decorrentes do impacto da variação cambial sobre o resultado financeiro.

De abril a junho, a receita líquida da Marfrig somou R$ 3,558 bilhões, superando em 48% as vendas de um ano antes, que foram de R$ 2,404 bilhões.

No setor sucroalcooleiro, a São Martinho obteve lucro líquido de R$ 22,964 milhões em seu primeiro trimestre fiscal de 2011, resultado 20,6% menor que os R$ 28,907 milhões apurados no mesmo período do ano passado.
O lucro do primeiro trimestre fiscal de 2010 foi impulsionado, no entanto, por um ganho não recorrente de R$ 74,3 milhões, por conta de efeito da variação cambial.

A receita líquida da São Martinho cresceu 31,3% no trimestre, para R$ 285,451 milhões.

Além disso, o ministro de Minas e Energia, Marcio Zimmermann, afirmou ontem que, no próximo dia 23, será definido o preço final do barril de petróleo extraído do pré-sal que será utilizado no processo de cessão onerosa à Petrobras.

(Beatriz Cutait | Valor)
Hospedagem: UOL Host