UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

17/08/2010 - 16h00

TAM e LAN apresentam acordo ao ministro Nelson Jobim

BRASÍLIA - O ministro da Defesa, Nelson Jobim, só deverá se manifestar sobre a fusão das companhias aéreas TAM e LAN após a formalização do negócio junto à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). A informação foi dada há pouco pelo presidente da TAM S/A, Marco Antonio Bologna, na saída do encontro que teve com o ministro para apresentar a operação.

No encontro, Bologna, que também estava acompanhado do presidente da TAM Linhas Aéreas, Líbano Barroso, apresentou a composição acionária da companhia após a transação com a LAN.

Os executivos da TAM preveem que até setembro sejam protocolados os documentos da operação na Anac. Nos próximos 15 dias, o Conselho Administrativo de Defesa da Concorrência (Cade) também será informado.

Bologna reiterou que os acionistas da LAN têm interesse em aumentar sua participação no capital votante da TAM, caso a legislação que trata do setor aéreo seja alterada, permitindo a entrada de investidores estrangeiros até o limite de 49% do capital votante, contra os 20% atuais. "Caso, no curso da implementação da fusão, esse (limite de) capital seja aumentado, a gente adaptará para a situação vigente à época", afirmou.

(Rafael Bitencourt | Valor)
Hospedagem: UOL Host