UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

24/08/2010 - 14h46

Demanda por NTN-B derruba taxas no leilão

SÃO PAULO - A demanda por títulos federais indexados à inflação (IPCA) provocou forte queda nas taxas de rentabilidade que, na média, estão raspando em 6% ao ano.

O Tesouro Nacional vendeu a oferta total de 2 milhões de NTN-B com vencimentos mais curtos, até 2020. E 324,5 milhões do lote total de 500 milhões de unidades dos vencimentos mais longos, até 2050.

O valor total da operação, que será quitada amanhã em dinheiro, é de aproximadamente R$ 4,5 bilhões - volume financeiro bem distante do resgate de papel semelhante feito neste mês e que superou R$ 30 bilhões.

As NTN-Bs com vencimento em 2013 foram vendidas por taxa média de 6,04%, ante 6,43% ao ano registrados no leilão anterior; 2015, a 6,06%; 2020, a 6%; 2030, a 5,98%; 2040, a 5,92%; e 2050, a 5,88% ao ano acima da variação do IPCA.

Nesta quarta-feira (25), o Tesouro faz nova oferta desses papéis, na segunda etapa do leilão, para pagamento com outros títulos públicos federais.

(Angela Bittencourt | Valor)

Hospedagem: UOL Host